fbpx

Lesões Musculares e Tendinosas


COMO ACONTECEM: as lesões musculares e tendinosas podem ocorrer em qualquer parte do sistema músculo esquelético. Ocorrem na vigência de um esforço, comumente quando a musculatura não está preparada (aquecida e alongada) para tanto, ou ainda, por sobrecarga. Não são lesões freqüentes.

SINTOMAS E SINAIS: presença de dor aguda, sensação de que algo rasgou ou repuxou e incapacidade funcional do membro afetado. Podem aparecer edema, hematomas e pequenas deformidades por retração do músculo ou tendão rompido. Na região do joelho, as mais importantes são as rupturas que se dão nos tendões quadríceps e patelar.

DIAGNÓSTICO E EXAMES: o diagnóstico é feito clinicamente por palpação, verificando a integridade músculo tendinosa. Como exames de imagem pode-se lançar mão de Ecografia e Ressonância Magnética.

TRATAMENTOS: as rupturas tendinosas do quadríceps e patelar são de resolução cirúrgica, com sutura e reforços com enxertos tendinosos autólogos.

PÓS-OPERATÓRIO: a supressão do apoio do membro operado e o uso de muletas são obrigatórios por um período de aproximadamente seis semanas.

FISIOTERAPIA: de início imediato no pós-operatório, devendo acompanhar o paciente por três a quatro meses.

EVOLUÇÃO: a deambulação é permitida após as seis semanas iniciais. Espera-se uma boa marcha, recuperação parcial da musculatura após três meses da cirurgia. A recuperação funcional completa determinará a capacidade de retorno às atividades esportivas, o que se dará após o sexto mês pós-operatório.